ArtigosDicas e Truques

5 lições que um jogador de poker pode tirar da derrota do brasil para a alemanha

Na tarde de ontem 8 de julho de 2014 o Brasil viveu um dia histórico para o seu futebol, fomos massacrados por uma Alemanha que jogou um futebol que a muito tempo a nossa seleção deixou de jogar.

Este jogo feriu a cada brasileiro de alguma maneira, mesmo eu que não estava muito empolgado com a copa e que acreditava que o Brasil não seria campeão e já esperava uma derrota fiquei chocado com o que aconteceu ontem.

Mas depois de ler muita coisa sobre tudo isso, resolvi refletir um pouco e tentar tirar algumas lições que podemos usar não só no poker e sim em nossas vidas! Então afinal o que podemos tirar de lição de tudo isso, e como podemos levar estas lições para o mundo do poker? Vamos lá…

1. Nenhum sonho sobrevive sem planejamento.

Acredito que a grande maioria da nação e principalmente a seleção brasileira sonhava demais com a conquista de uma copa do mundo dentro de casa, mas às vezes esquecemos que assim como nós todas as demais seleções também vieram pra cá sonhando muito com esta conquista, então o que nós faz acreditar que seriamos os privilegiados? Só por que somos o pais do futebol? Só por que a copa é aqui?

Ontem a Alemanha provou para nós que um sonho estruturado em um forte planejamento tem tudo para se tornar real! Talvez eles percam a final, talvez não. Mas mesmo que isso aconteça podemos ver claramente que desde antes de 2006 a Alemanha vem se planejando e se preparando para ganhar uma copa do mundo, eles reinventaram o futebol por lá com um forte planejamento, se não me engano esta era a quarta semifinal seguida que eles faziam e não era a toa.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAE do outro lado da moeda tínhamos um Brasil que trocou de técnico as vésperas de uma copa do mundo, que as vésperas de uma copa do mundo ainda não tinha um time definido e que todo seu planejamento não passava de discursos motivacionais.

Então se você tem um sonho com o poker não deixe este seu sonho morrer por uma falta de planejamento! Pois você estará se sabotando desta maneira, separe algum tempo para pensar sobre onde você quer chegar com o poker e qual será o plano para alcançar este objetivo, pois isso é muito importante.

2. Gastos exagerados para viver momentos.

Somos considerados o pais do futebol e fizemos (o nosso governo fez) questão de trazer a copa do mundo pra casa! Mas será que valeu a pena mesmo? Será que era a hora certa? Será que não tínhamos outras prioridades maiores?

Quando você estiver jogando poker e pensar em se registrar naquele torneio que o buy-in não cabe no seu bankroll só por que ele esta tendo uma edição de aniversário com uma grande premiação, pare e pense, será que esta é mesmo uma boa escolha? Será que esse dinheiro não vai prejudicar o seu planejamento de longo prazo? Não comprometa seu sonho para tentar ter um momento de gloria.

3. Não deixe o resultado negativo influenciar sua vida pessoal.

Depois da derrota de ontem vi muita gente desolada, muita gente triste e pra baixo, chegando ao ponto de deixar isso influenciar em sua vida pessoal. Por mais que tenha sido dolorido foi só um jogo de futebol, a vida segue e não devemos deixar isso influenciar nossas vidas desta maneira.

A mesma lição serve pra quando você estiver jogando poker e tomar aquela bad beat sofrida na bolha da mesa final! Se você esta jogando dentro do seu bankroll e com planejamento não tem por que se abalar tanto a ponto disto influenciar sua vida pessoal. É dolorido? É sim, todos sabemos, mas a vida segue, amanhã vai ser você quem vai dar uma bad beat em alguém na bolha.

Então se você esta deixando os resultados nas mesas influenciar sua vida pessoal, é melhor refletir sobre isso, pois alguma coisa pode estar errada.

4. Procurar culpados e não erros.

Nós temos a mania de buscar culpados para tudo, ontem após a derrota rapidamente identificamos um culpado para aquilo tudo ter acontecido.

No poker muitas vezes gostamos de culpar as cartas pelas derrotas ou culpar aquele donkey que pagou seu all-in com 72off e quebrou seu AA! Mas será que ao invés de procurar culpados não é muito mais produtivo fazer uma analise critica do seu jogo e ver onde você errou? As vezes você não perdeu o torneio neste all in que citei acima, e sim em algumas mãos antes quando perdeu aquele pote gigante tentando um blefe que não passou.

5. Aprender a treinar para ganhar.

Desde sempre ouço esta frase que “O importante é competir e não ganhar”, mas será que o importante é mesmo competir? Competir é importante sim, mas mais importante que isso é treinar para ganhar!

Quando fiz o coaching com o Caio Pessagno logo no inicio do curso ele colocou uma frase muito legal na tela, que resolvi anotar, era a seguinte frase:

“Não é a vontade de vencer que importa, todo mundo tem isso. O que importa é a vontade de se preparar para vencer!”.

Então treine, treine e TREINE! E se perder que seja por que o seu oponente foi excepcional e acabou te superando. No caso do jogo de ontem a Alemanha se mostrou muito mais bem preparada e treinada para ganhar do que nossa seleção e o resultado disto se refletiu em campo.
Então leia livros e artigos, assista a vídeos, analise mãos jogadas, nunca pare de treinar e evoluir.

Conclusão.

Espero que as lições que citei a cima possam lhe ser úteis na sua carreira e no seu jogo, as vezes é nas situações mais difíceis que tiramos as lições mais valiosas.

Sinta-se a vontade para comentar e compartilhar alguma lição que você também tirou do dia de ontem.

Abraço e nos vemos nas mesas!

chamada ebook2

Tags

MunhozVs

Elton Rezende é o fundador do Blog PokerNaChapa.com.br e Poker Player desde 2010, jogando poker semi profissionalmente desde então já alcançou a marca de mais de U$72.095 dólares em premiações no jogo e mais de U$23.573 em lucro. Em 2015 foi o segundo melhor Brasileiro no maior torneio de poker ao vivo já realizado o Colossus da WSOP, terminando na 74º colocação e puxando uma premiação de U$12.350

Artigos relacionados

2 comentários

  1. Cara, o que dizer do teu post?
    O que vou dizer sobre o teu post que tu não saiba?
    Mesmo que tu saiba de tudo que vou dizer, vou redundar as palavras porque é impossível ler e não se maravilhar com esse post
    simplesmente fantástico, muito bem redigido, muito útil
    e muito real

    Espero que todos que apreciam o Pôquer como esporte possam aparecer e apreciar essas linhas
    🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close